segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

...

E você que vive na frente desse espelho
que tal tentar ver um pouco além dele?
à todos aqueles que se põe em um pedestal
e se acham superiores
à todos aqueles que acham que poden ser melhores do que as outras pessoas
eu quero questionar de onde vem tanta presunção?
de onde vem tanto egoísmo?
e a previsivel sina a solidão à que vocês pertencem
nem a pena lhes restarão pois o egocentrismo a qual vocês estão presos
lhes levaram sem alernativas todos aqueles que tentaram se aproximar
o rancor e a dor
quando um sentimento bom até mesmo o amor
se torna raiva e rancor não tem mais como voltar, talvez até tenha
mas seus olhos cegos vidrados atravéz do espelho à sua própria imagem
impedem vocês de ver o mundo ao redor...
e assim uma estrada vocês traçam
sem nenhuma piedade, dilacerando
todos que atravessam seus caminhos
distratando-os
oh como eu queria poder tirar a venda dos olhos de algumas pessoas
mais enfim que eu não embruteça nem perca o ar da graça de viver
ao ver tantas pessoas sofrendo solitarias em suas gaiolas que elas mesmas criaram.

1 comentários:

Ventos e Plavras disse...

Fulero?

Será que dentro do espelho tem algo a mais pra mim?

bjins