sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Por mais que eu corra, ainda não alcanço.

Talvez eu seja do tipo de cara idealizador demais, na busca de ser mais conformado com o que tenho eu ainda assim idealizo, e não me conformo. Chega uma hora que eu não tenho saída, a não ser aceitar a verdade, eu quero e tenho, mais algo me incomoda nisto que tenho, eu o queria de forma diferente.

Existe uma coisa em mim mais forte que tudo! minha incrível capacidade de fugir das expectativas alheias. Eu sempre dou um jeito de fugir de tudo aquilo que desperto interesse, e me pego correndo atraz daquilo que mal demonstra interesse por mim, pra que? pra que eu o conquiste e fuja? um milhões de desculpas para massagear meu ego, sabe de que eu preciso? eu necessito de atenção, de cuidado, de explicação para todas as minhas confusões, eu espero tudo isso em alguém, eu queria poder encontra-lo nuam vitrine com um rótulo indicando tudo isto que quero.

Mais aí você fugiu das minhas mãos, escorrendo como areia por entre meus dedos, você já sentiu um medo tão grande de está só que saiu pelas ruas sem destino? você já se sentiu como se tivesse apostado todas suas fichas e perdido... Agora eu tenho me perguntado onde estas ruas me levaram, agora me pergunto o que você tem feito? se ao menos você pudesse entender, e por mais que eu deixe minhas janelas abertas parece que a vista pro meu mundo não agrada.

Então eu me quebro em pedaços e procuro um melhor nível de entendimento sobre isso tudo, preciso ser mais racional, mais tenho descoberto tanto sobre essa máquina que eu sou que eu sempre prevejo minhas reações inesperadas diante de ti. eu não irei procurar entender nada hoje nem mesmo continuar nessa busca incessante por justificativas baratas para o meu ou para o seu comportamento, vamos fingir que está tudo bem e seguir neste lado artificial de nossas vidas...

3 comentários:

Franck disse...

Voltando aqui, foi bom segui-lo, pq achei o caminho de volta tão fácil...
Acho que fingir que está tudo bem ainda é o melhor remédio para nosso cotidiano tão sem sal, água com açúcar...
Abçs e um bom fim de semana!
PS: Vi que temos coisas em comum: Clarice, O fabuloso destino de Amélie Poulan, Elisa lucinda... E, estamos tão próximos geograficamente, tens orkut? Msn? Se interessar, mande-me por email: franck015@yahoo.com.br, ok?

. pamela moreno santiago disse...

olá. passando pra divulgar meu blog e dizer que o seu tá simplesmente foda!
seguindo aqui. espero que goste e que siga o meu também.
beeeijinhos e espero você lá :D

. pamela moreno santiago disse...

obrigada *-*
pode voltar sempre que quiser.
beeeijinhos ;*